10ª Sessão – Anchanchu

♠ 2 de agosto de 1650 – montanhas

Eles não têm duvidas que estão em terras castellanas. Além disso, o velho fala castellano. Salazar e Fernão servem de intérpretes. Aliás, Salazar fala castellano fluentemente. O velho oferece um chá de coca para ajuda-los a superarem o cansaço da altitude.

Descendo as montanhas, eles ouvem vozes castellanas e se escondem no alto do morro. É uma patrulha de soldados. Depois que ela passa, há um clarão seguido de um homem rolando ladeira abaixo.

O homem é um dos dois jesuítas da bandeira, justamente o que tem poder divino. Ele está morto, e possui uma pancada na cabeça.

O velho surge do outro lado e parece cansado.

O tempo continua fechado.

[Nota do Mestre: havia dois jesuítas na bandeira, um com poder divino e outro sem. Ele foi essencial no combate às doenças durante a travessia da caverna. Isso reflete uma interpretação posterior dos autores que nem todo padre possuíam poder divino. Passei a adotar que muitos objetos sacros serviam como amuletos divinos e que qualquer padre poderia evocar seus poderes de proteção. Ele foi morto pelo Achanchu, que o fez sabendo que o padre poderia a qualquer momento descobrir sua real natureza. O clarão foi de uma “Luz divina” que, obviamente, não acertou seu alvo.]

♠ 3 de agosto – montanhas

Durante o dia eles ouvem o canto do Haychau, que significa morte próxima. Mas eles não sabem o que significa.

Durante uma pausa, dois bandeirantes saem para caçar e não voltam. O grupo sai para investigar e descobrem um morto e outro ainda vivo. Ele descreve uma figura demoníaca e veloz, mas não conseguiu vê-la direito.

Durante a noite, Aruana vê uma figura entre as pedras e vai investigar. É um bandeirante morto. Mas antes que pudesse fazer alguma coisa, leva uma pancada e é carregada para longe. Rocha consegue perceber o que aconteceu e corre atrás. Aruana é deixada para trás e a criatura foge. Reaparece um pouco depois e, numa luta, quebra o braço de Domingues.

♠ 4 de agosto – montanhas

Durante o dia, o velho indica o caminho a seguir e se despede do grupo, sem ninguém descobrir que ele era o demônio.

Ao se aproximarem da cidade, atravessam um campo de cultivo onde os índios trabalham intensamente. Salazar, conversando com os índios, descobre que o campo foi assolado por uma maldição e fica sabendo que há uma missão religiosa por perto. O grupo considera mais seguro seguir para a missão. O sol aparece.

♠ 5 de agosto – montanhas/missão

Ao amanhecer, Fernão aparece morto, sem motivo aparente. Ele foi envenenado, mas ninguém descobre isso. Domingues desconfia que o velho era um vampiro e que Fernão se transformará em um vampiro, embora não haja nenhum indício disso.

No fim da tarde eles chegam à missão. São bem recebidos pelos padres. O jesuíta que restou e Salazar dormem na casa principal. Os outros dormem num galpão.

Domingues convence Rocha de voltar até o local onde Fernão foi enterrado. Ele corta a cabeça de Fernão e põe fogo no corpo e na cabeça, crente que ele se tornara um vampiro. Desta forma, impediu que Fernão se tornasse uma cabeça errante e acabasse revelando a identidade de seu assassino.

[N. do M.: esse é aquele momento em que o mestre do jogo vê seus planos frustrados pela paranoia de um jogador de AD&D. Resolvi, numa mesma tacada, criar um momento dramático com a morte de um NPC importantíssimo, testar uma criatura de O Império do Sol. Fernão se transformaria em um Catecate, e, assim, partiria atrás de seu assassino, o que provavelmente revelaria a existência do espião na bandeira.  Ficaria bem melhor, não?]

The URI to TrackBack this entry is: https://cheibub.wordpress.com/2016/03/10/10a-sessao-anchanchu/trackback/

RSS feed for comments on this post.

2 ComentáriosDeixe um comentário

  1. […] 10ª Sessão – Anchanchu […]

  2. […] 10ª Sessão – Anchanchu […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: