9ª Sessão – A Procura

♥ 14 de setembro de 1651 – Santa Inês

Ao amanhecer todos ficam sabendo do destino de Gonzalez. Todos na vila pensam que o diabo veio buscar a alma dele. Só o grupo desconfia de Naomi. Chegam a fazer uma missa para expulsar de vez o mal da vila. Com isso, a partida é adiada para o dia seguinte.

♥ 15 de setembro – Santa Inês

A ilha é bastante grande e pouco explorada. Não fazem a menor ideia de onde procurar pelo tal mestiço. Buscam pegadas, mas não encontram nada de mais. À noite, enfrentam um Calchona, uma fera superforte que atormenta os viajantes.

♥ 16 de setembro – Santa Inês

Mais um dia de buscas e nada de novo. À noite, Rocha se afasta com Aruana para fazer uma busca aérea. Rocha se transforma em coruja e Aruana fica guardando suas roupas. Longe dali, ele vê duas pessoas na beira do mar. Uma delas é o mestiço que procuram. O outro é um homem de manto e capuz. Este assobia e Rocha vê um cavalo aparecendo do nada e cavalgando sobre as águas. O mestiço sobe no cavalo e os dois desaparecem.

Enquanto isso, Aruana é abordada por um Thrauco, um duende que se diverte seduzindo mulheres. Ele consegue seduzir Aruana, que mais uma vez é levada no bico. Mas desta vez ela nem lembra o que aconteceu. É encontrada pelo grupo que, preocupado com sua demora, sai à sua procura e a encontra nua. Alguns pensam que ela e Rocha têm um caso. Rocha chega logo em seguida e tem dificuldades em se explicar. Só Naomi ainda fica na dúvida. Rocha, então, conta o ocorrido. Eles decidem aguardar o sol.

♥ 17 de setembro – Santa Inês

Eles chegam nas rochas onde Rocha avistou o mestiço. Rocha lembra que alguém assobiou, Ele assobia, mas nada acontece. Outros tentam, mas com o mesmo resultado.

Naomi faz “Viagem Astral” e vê o cavalo aguardando sobre o mar. Aproxima-se, mas o cavalo a ignora. Ela volta. Só quando Nahuapy decide finalmente assobiar (era a única que não havia tentado), é que o cavalo surge.

É que o Cavalo-do-Mar só atende aos bruxos indígenas. Vendo que o cavalo a obedece, ela começa a mandar atravessar o grupo de dois em dois. Essa operação demora um tempo. Armand e Maurice resolvem ficar na tentativa de construir uma balsa e garantir um meio de voltar.

Chegam todos só no fim da tarde. É uma praia de cascalho, próxima a montanhas de vegetação baixa e solo rochoso. Passam a noite na praia. Durante a noite, ouvem ruídos trazidos pelo vento.

♥ 18 de setembro – continente (Cordilheira Meridional)

Richard vai investigar os ruídos e descobre uma colônia de pinguins. Aruana procura rastros do mestiço e acaba seguindo as pegadas de um mamífero peludo.

Aruana se encontra num dia infeliz para seguir trilhas. Para piorar, é Pierre quem acaba achando as pegadas. A trilha leva para o alto das montanhas.

Enquanto isso, Armand e Maurice decidem voltar para a vila para pegar o navio.

No continente, o grupo acampa no alto da colina.

The URI to TrackBack this entry is: https://cheibub.wordpress.com/2016/03/28/9a-sessao-a-procura/trackback/

RSS feed for comments on this post.

One CommentDeixe um comentário

  1. […] 9ª Sessão – A Procura […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: